SPI reforça a sua presença no Sudeste Asiático com projeto de consultadoria na Indonésia

19 Dezembro 2013

A SPI completou, no início de setembro, a primeira de três missões à Indonésia, em colaboração com a empresa alemã GOPA. Durante esta missão, em que participaram Sara Medina (administradora da SPI) e Douglas Thompson (consultor sénior) dos escritórios da SPI no Porto, foram organizadas reuniões bilaterais e um primeiro workshop que abordou vários instrumentos essenciais à implementação de mecanismos de transferência de tecnologia internacional para a Indonésia. 

Este workshop contou com a participação de importantes organizações do setor da ciência, tecnologia e inovação da Indonésia e de representantes de várias agências governamentais indonésias, incluindo o Ministério da Investigação e Tecnologia (RISTEK), a “National Development Planning Agency of Indonesia” ou ainda o “Indonesia Investment Coordinating Board”. 

“Os participantes do workshop indicaram que esta missão funcionou como um catalisador para sessões de discussão adicionais e que ajudou a delinear um roadmap não só para o governo como também para o setor empresarial e académico”, afirmou Sara Medina. O workshop demonstrou ainda que na Indonésia, o governo e as políticas governamentais têm um peso importante no desenvolvimento da infraestrutura de I&D, na criação de mecanismos de cooperação e em outros serviços de apoio.