SPI e Governo Regional dos Açores em conjugação de esforços no Seminário da Plataforma S3

27 Julho 2012

Nos passados dias 4 e 5 de Junho de 2012, decorreu em Ponta Delgada o Seminário “Plataforma S3 - Rumo a Estratégias de Especialização Inteligente para as Regiões”, evento que surgiu na sequência da adesão dos Açores à Plataforma S3 da Comissão Europeia. Esta plataforma visa o aprofundamento das estratégias de especialização inteligente de Estados e Regiões, ligadas à inovação e à competitividade. 

A parceria entre a SPI e o Governo Regional dos Açores decorre da conjugação de esforços de ambos em prol da implementação de uma estratégia que, visando a concentração de sinergias nas áreas-chave da Região, permita posicioná-la num lugar de referência e/ou destaque em determinadas áreas económicas, em profunda consonância com o conceito de especialização inteligente. 

Neste Seminário foram explicados o conceito de especialização inteligente, com alusão aos seus fundamentos económicos e experiências regionais no desenvolvimento das estratégias S3, e as questões e os desafios inerentes à implementação de tais estratégias. Foram ainda apresentadas as estratégias em preparação das regiões ultraperiféricas de Cornwall, no Reino Unido, e das Regiões da Reunião, Canárias e Açores, tendo ficado a última apresentação a cargo de Paulo Menezes, Diretor Regional da Ciência, Tecnologia e Comunicações dos Açores. 

No final do Seminário destacou-se a visita a dois projetos em curso na Região, nomeadamente EXPOLAB e NONAGON, o primeiro referente a uma parte da rede dos Centros de Ciência nos Açores, e o segundo ao futuro Parque de Ciência e Tecnologia de São Miguel. Houve ainda a oportunidade de visitar a Instalação Geotérmica da Ribeira Grande, uma vez que a energia renovável se assume como uma das principais áreas estratégicas da RAA (dada a especificidade da constituição do solo açoriano), e à Fábrica de Lacticínios Unileite, que desenvolve diversos projetos de I&D em parceria com centros de pesquisa universitários. 

Entre os participantes no seminário, estiveram presentes mais de meia centena de peritos, incluindo representantes das várias Regiões Ultraperiféricas, bem como de outras regiões da Europa, e especialistas da Comissão Europeia e académicos. 

Entre os principais oradores no seminário destacam-se Michael Ralph, Conselheiro do Diretor Geral da Política Regional - Coordenação Temática da Direção Geral de Política Regional da Comissão Europeia, Philip McCann, Conselheiro Especial do Comissário da Política Regional e com ligações à Universidade de Groningen nos Países Baixos, Raquel Ortega-Argilés, coautora do Guia Estratégias de Investigação e Inovação para a Especialização Inteligente (RIS3) e membro da Universidade de Groningen nos Países Baixos, e Ronad Hall, Diretor da Direção Geral de Política Regional da Comissão Europeia, sem esquecer as apresentações dos Açores realizadas por Paulo Menezes e José Azevedo.